﷯ folhacds 2 ANOS // 7 MARÇO 2017

Governo “esquece-se de

Moimenta da Beira”

-

O vereador do CDS da Câmara Municipal de Moimenta da Beira, Cristiano Coelho,  acusou o Governo do Partido Socialista de esquecer Moimenta da Beira. O programa “valorização de áreas industriais”, lançado pelo Governo, esteve na origem de tal acusação. Aquele contempla vários municípios do norte que vão poder melhorar ou construir novas rodovias. No distrito de Viseu apenas a ligação entre a zona industrial do Mundão e do Sátão foi contemplada.

 

Para Cristiano Coelho, não encontrando da parte do presidente da Câmara qualquer justificação “com base em critérios específicos que expliquem a exclusão de Moimenta da Beira daquele programa, das duas, uma: ou o executivo não manifestou intenção de integrar aquele programa, ou então o Governo do PS entende que Moimenta da Beira não é uma prioridade”.

 

Não rejeita que o autarca que dirige o município tenha feito um esforço para que o concelho pudesse beneficiar da ligação da EN329, que  vinda do Sátão parou em Vila Nova de Paiva há

mais de uma década “e que permite uma ligação digna de Moimenta da Beira à capital de distrito”, diz o autarca centrista, “está em causa a seriedade do Governo que não apresentou quais os critérios que estiveram por trás desta decisão”.

 

A escolha da ligação entre Mundão e Sátão, sem a apresentação de estudos de tráfego ou de volume de negócios que demonstrem claras diferenças para a ligação entre Vila Nova de Paiva e Moimenta da Beira, constitui para o membro da coligação PSD/CDS um “exercício de poder ao serviço de estratégicas autárquicas, já que no Sátão o atual presidente não se candidata mais e o PS encontra neste anúncio uma forma de valorizar o seu candidato à Câmara”.

 

O programa do Governo que permite ligações rodoviárias é um programa de financiamento exclusivamente estatal, já que Portugal está limitado no investimento em rodovias por intermédio dos fundos comunitários, que contempla 12 itinerários (reabilitação e construção de novos troços).