No 27.º Congresso do CDS, que teve lugar em Lamego, sob o mote “O Futuro está aqui”, foi lançada a CDS TV. O dirigente e porta-voz do CDS, João Pinho de Almeida, é o coordenador do canal do partido na Internet, “a nossa televisão”. A sua primeira emissão, disponível, à semelhança de outras, através do YouTube nas várias redes sociais, a presidente do partido, Assunção Cristas, ocupa o lugar 'pivot' e explica o objetivo de "mostrar a atividade diária" do partido, com "programas, entrevistas e emissões em direto".

 

A criação da CDS TV consta da moção global ao Congresso de Assunção Cristas, aprovada por larga maioria dos congressistas, enquadrada numa estratégia para um "partido que está próximo das pessoas".

 

Na moção "CDS - Um passo à frente", a líder centrista reitera que o partido deve disputar as eleições europeias e as legislativas em listas próprias, e defende a necessidade de saber cativar os jovens, que "porventura têm um voto mais livre", assim como todos aqueles que têm disponibilidade para "outro tipo de militância, uma militância digital".

"Este é o grande desafio do CDS: fiel aos seus princípios fundadores, retirar os rótulos que foram sendo colados injustamente ao nosso partido, e deixar que, de forma mais livre, sem preconceitos e pré-entendimentos, se possa olhar para o CDS de hoje pelas suas propostas e pelos seus protagonistas", argumenta. A líder centrista afirma querer "um CDS que já não é visto como partido 'dos ricos', 'dos patrões' ou 'dos quadros', mas é o partido de todos, de todas as idades, homens e mulheres, rapazes e raparigas, que valorizam mais o trabalho, o mérito, as ideias, o afinco, a credibilidade, e, sobretudo, a imaginação, a força criativa e o entusiasmo". Subscreva o canal:CDSTV

 

﷯ folhacds 22 MARÇO 2018